Blog

RAMSÉS II, O GRANDE, publicitário!

Se levarmos em conta a estatura de 1,63m de Ramsés, não dá para chamá-lo de O Grande. Foi considerado como tal pelo seu gênio bélico, pela propaganda que espalhou em todo o país, quer através das suas imagens sempre esboçando poder quer pelas Estelas de pedra que ainda hoje sobrevivem juntamente com outras inscrições como as encontradas no templo de Luxor que narram a trajetória das grandes campanhas vencidas por Ramsés. Outras guerras que exaltam as conquistas do faraó da 19ª Dinastia aparecem nas paredes do Ramesseum, espécie de templo funerário construído por ele, situado à Oeste do Nilo, em frente a Luxor.

ADRIANO, UM IMPERADOR DIFERENTE

Ao lado de Nerva, Trajano, Antonino Pio e Marco Aurélio, Adriano passou a ser reconhecido pela História como um dos cinco bons imperadores que Roma já teve. A teoria de Maquiavel, em O Príncipe os definiu como notáveis governantes por não terem necessitado de pretorianos violentos, nem de abusarem do poder imperial, tornando-se respeitados pelo exercício de suas qualidades e com isto foram amados pelo povo.

ADRIANO E ANTÍNOO - UM AMOR À MODA ANTIGA?

Adriano era filho de um primo de Trajano, o Imperador. Ele recebeu a superproteção da esposa de Trajano, a poderosa Pompeia Plotina, uma mulher sem filhos, respeitada perante a sociedade romana por suas virtudes e pela inteligência. Admiradora da poesia e da filosofia grega transmitiu a Adriano toda a sua visão sobre a cultura dos pensadores gregos.

A INCRÍVEL HISTÓRIA DA BÍBLIA "ROUBADA"

O cenário é por demais encantador. Montanhas rochosas com mais de 2.700 m de altitude, um vale consagrado na aridez do deserto, bem distante do generoso rio Nilo. Não fosse o esforço de atravessar o Saara, saindo da cidade do Cairo, em uma viagem de 4 horas de carro, eu teria ficado sem um dos pontos mais importantes de minha pesquisa, o Mosteiro de Santa Catarina.

Página 5 de 8